Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1918
Pará de Minas 20/05/2022


exclusivo

GANHO PESSOAL

exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

CANTORA LOCAL VAI DIRETO PARA A FINAL DO CANTA COMIGO

exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

QUEM FOI

NELSON ALVES MARZAGÃO?
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“Todo esforço merece reconhecimento e o GP Jornal sabe valorizar cada um de nós, como ninguém!”
VITOR DOS SANTOS SILVA, estudante de educação física.

Notícias

OAB constrói ampla sala na penitenciária

No dia 18 de dezembro, terça-feira, foi inaugurada na Penitenciária Doutor Pio Canedo, uma nova sala de atendimento, desta vez para os advogados. Com investimentos realizados pela OAB – Ordem de Advogados do Brasil, o local, denominado de parlatório, passa a ter cinco espaços de atendimento, com interfone para que os detentos possam conversar e interagir com seus defensores. A reportagem GP esteve presente, quando conversou com o diretor geral da penitenciária, Marcelo de Carvalho Barbosa. Veja.

“O parlatório foi concebido para dar maior comodidade e melhores condições de trabalho aos advogados, pois, antes, eles tinham somente um espaço para atender. Com a construção desse espaço, eles vão ter uma sala de espera ampla, acesso a computadores e toda comodidade que, até então, o Estado não oferecia, como a tecnologia de ponta, que são os interfones para eles se comunicarem,” explica Marcelo.

MAIS 4 CABINES - A reportagem GP conversou também com o diretor da OAB, Djalma Fulgêncio. Acompanhe.

“Esse projeto nosso era um sonho que, com o apoio de muitos de nós, conseguimos realizar. Era um anseio dos advogados! Antes, nós tínhamos apenas uma cabine e cada advogado que vinha aqui tinha que aguardar em fila, para dar atendimento aos presos. Nós construímos uma nova sala com quatro cabines, perfazendo um total de cinco cabines de atendimentos, que agora vai atender aos anseios dos advogados,” comemora Djalma.

Mais da Gazeta