Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1917
Pará de Minas 13/05/2022


exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

“FIQUEI LIGADA A UM MONTE DE APARELHOS, MAS NÃO TINHA MAIS O CÂNCER NO MEU CORPO”

exclusivo

O mais tradicional evento cultural da cidade debateu sobre a VIDA PÓS-PANDEMIA

exclusivo

HISTÓRIA DE VIDA

LEVINO DA COSTA DE JESUS, 115
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“Por ser sério, o GP Jornal é muito respeitado na cidade!”
JOSÉ IRINEU SILVA, empresário.

Notícias

Doutor Ênio em 1º lugar, na câmara

Saiu o último relatório de 2018 das atividades desenvolvidas pelo OSB - Observatório Social do Brasil, de Pará de Minas. Cumprindo a transparência exigida pelo sistema OSB, a cada quatro meses a entidade apresenta à população o resumo de suas atividades. Só nos últimos quatro meses, por exemplo, o observatório acompanhou quase cinquenta pregões e compras públicas por tomada de preços. Em se tratando da câmara, o OSB solicitou providências em relação ao pagamento das verbas indenizatórias, especialmente no que diz respeito ao consumo de combustível. A iniciativa se deve ao entendimento do Tribunal de Contas de Minas Gerais de que só é permitido o pagamento desse tipo de despesa, se a finalidade do uso for devidamente comprovada. Isso significa que o vereador deve apresentar o local e associar o gasto com a atividade parlamentar, o que não ocorre em Pará de Minas. Semanas depois, soube-se da aprovação do projeto de resolução, que reduziu cinquenta por cento do valor da verba e exigiu justificativa detalhada. Sobre à atuação individual dos vereadores, segundo metodologia de avaliação adotada pelo Sistema OSB em todo o país, veja o resultado local: Ênio Talma Rezende (Doutor Ênio) em primeiro lugar, seguido de Marcus Vinícius Rios Faria (Marcão) e Nilton Reis Lopes. Em seguida, vêm nesta ordem os demais nomes: Antônio Carlos dos Santos, Marcílio Magela de Souza, Daniel Melo, Dilhermando Rodrigues Filho, que agora é o presidente da câmara, Rodrigo Varela, Rodrigo Meneses, Márcio Eustáquio Rodrigues, Toninho Gladstone, Mário Justino, José Salvador Moreira (Dé Pedreiro), Carlos Roberto Lázaro, Marcos Aurélio dos Santos, Márcio Lara e Leandro Alves. O relatório completo do último quadrimestre de 2018 pode ser acessado no site: osbparademinas.org.br

Mais da Gazeta