Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1917
Pará de Minas 13/05/2022


exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

“FIQUEI LIGADA A UM MONTE DE APARELHOS, MAS NÃO TINHA MAIS O CÂNCER NO MEU CORPO”

exclusivo

O mais tradicional evento cultural da cidade debateu sobre a VIDA PÓS-PANDEMIA

exclusivo

HISTÓRIA DE VIDA

LEVINO DA COSTA DE JESUS, 115
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“Por ser sério, o GP Jornal é muito respeitado na cidade!”
JOSÉ IRINEU SILVA, empresário.

Giro Policial

DE OLHO NOS INCÊNDIOS EM VEGETAÇÃO

A 2ª Companhia do 10º Batalhão de Bombeiros Militares de Minas Gerais intensificou as ações de prevenção ao período de estiagem na região. Considerando a aproximação ao período mais crítico de seca, previsto para setembro, militares do pelotão realizam vistorias de monitoramento nas regiões mais vulneráveis à ocorrência de incêndios florestais. Pontos como a * Serra das Torres, * Serra do Cristo, * Bariri 2, * Residencial Dona Flor, * Serra Verde, * Jardim Serra Dourada, entre outros estão sendo constantemente monitorados pelas equipes do CBMMG. Segundo o Corpo de Bombeiros, apenas no período de compreendido entre abril e agosto, os militares já combateram 94 incêndios em vegetação. Os incêndios florestais causam diversos danos à natureza, à fauna e à flora local, matando espécies silvestres características da região, bem como causa danos à saúde, uma vez que as fumaças provenientes das queimas carregam poluentes danosos ao sistema respiratório.

Mais da Gazeta