Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1930
Pará de Minas 12/08/2022


exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

MAIS UMA VEZ, SEÇÃO GRITO POPULAR MOSTRA SUA FORÇA

exclusivo

UNIVERSO FAPAM

exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

HISTÓRIA DE VIDA

OLINDA MARIA STAIN, 81
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“Credibilidade e imparcialidade em jornalismo é com a GAZETA!”
GABRIEL JOSÉ BARBOSA PALOTTI, administrador e Garra Profissional 2021 no agronegócio

Notícias Variadas

NÃO PASSE DO LIMITE EM CACHOEIRAS, LAGOAS E RIOS

Como estamos no mês que começa a primavera, com esse tradicional calor brasileiro é normal que as pessoas procurem ir para cachoeiras, lagoas e rios se divertir e se refrescar, mas elas devem ter cuidado. Para saber mais, a reportagem GP conversou com o capitão do Corpo de Bombeiros, Lucas Maia. Veja.

“Recomendamos que se a pessoa vai à cachoeiras, lagoas e rios que procurem saber direito para onde está indo, pois, às vezes, a pessoa entra no local sem saber se dá pé, se tem correnteza e se afoga. Portanto, se não tiver conhecimento, vá com alguém que saiba informações sobre o local. Vemos que rios são locais extremamente perigosos, pois, quando observamos a superfície da água, parece que está muito calma a correnteza, porém, mais ao fundo, existem correntezas fortes e até redemoinhos. A maioria dos afogamentos ocorre com a pessoa que acha que sabe nadar, pensa que consegue, quer aparecer e passa do limite,” explica Lucas.

Mais da Gazeta