Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1918
Pará de Minas 20/05/2022


exclusivo

GANHO PESSOAL

exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

CANTORA LOCAL VAI DIRETO PARA A FINAL DO CANTA COMIGO

exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

QUEM FOI

NELSON ALVES MARZAGÃO?
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“Todo esforço merece reconhecimento e o GP Jornal sabe valorizar cada um de nós, como ninguém!”
VITOR DOS SANTOS SILVA, estudante de educação física.

Gozacao Pura

ALISANDO A FOCA: MAIS UM CARTEL NA CIDADE?

“Sábado desses, eu estava andando pela rua Benedito Valadares, a popular Rua Direita, olhando algumas vitrines das lojas que eu gosto de comprar: essas lojas com preço fixo. Ou seja, eu entro nelas, escolho o produto que bem quiser e sei que vou leva-lo por aquele preço, já estabelecido. Aí é bom, porque já vou com o dinheiro contatado e faço as minhas compras. Porém, dessa vez, ao entrar em uma dessas conhecidas lojas, percebi que os preços haviam aumentado em 10 reais, mas os produtos eram exatamente os mesmos. Aí, perguntei para uma atendente o porquê daquilo e ela me disse que aquele era o novo preço em todas as lojas da cidade. Falei pra ela: Ah é, então, vou em outra. Aí, ela, toda cínica, me disse que eu iria dar com os burros n´água, porque os donos de todas as lojas tinham combinado de passar os preços de R$39,90 para R$49,90. Não acreditei naquilo e saí furioso(a) da loja. Mas visitando as outras, vi que, realmente, todas elas estavam com preços iguais. Achei isso uma falta de respeito muito grande para com todos nós, consumidores. Sei que a crise afetou todo mundo, mas aumentar os preços desse jeito vai fazer que todos eles percam muitos clientes. Pior que isso é que eles aumentaram o preço, mas não aumentaram em nada a qualidade dos produtos (...)”

(*) Colaborador que só escreve fake news (notícias falsas).

Mais da Gazeta