Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1917
Pará de Minas 13/05/2022


exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

“FIQUEI LIGADA A UM MONTE DE APARELHOS, MAS NÃO TINHA MAIS O CÂNCER NO MEU CORPO”

exclusivo

O mais tradicional evento cultural da cidade debateu sobre a VIDA PÓS-PANDEMIA

exclusivo

HISTÓRIA DE VIDA

LEVINO DA COSTA DE JESUS, 115
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“Por ser sério, o GP Jornal é muito respeitado na cidade!”
JOSÉ IRINEU SILVA, empresário.

Notícias

GRITO POPULAR


VEJA NA EDIÇÃO 1856: NAS BANCAS DE 05/03 A 11/03. DEPOIS, SÓ NA GAZETA. Veja também outras queixas da edição anterior abaixo.

MORTOS ENTERRADOS NUS, LACRADOS EM SACOS PLÁSTICOS?

“Verdade que as pessoas que estão morrendo por covid-19 estão sendo enterradas totalmente nuas, dentro de um grande saco plástico lacrado? Fiquei chocado(a) e muito triste, quando me disseram isso. Será possível, meu Deus? Me garantiram que é feito dessa forma, porque o vírus viveria mais tempo sobre o tecido das roupas dos defuntos, espalhando essa doença, ainda mais...” 

NOTA DA REDAÇÃO - * Contatada, veja o que disse a Assessoria de Comunicação da Prefeitura.

“A secretaria de desenvolvimento urbano informa que, tanto o departamento de velório, quanto à Jadapax seguem recomendações da OMS - Organização Mundial de Saúde para o sepultamento das vítimas da covid-19. A prefeitura é responsável pelo sepultamento e a Jadapax, pela preparação dos corpos. Em todas essas etapas, os protocolos sanitários são rigorosamente observados, inclusive com a utilização de EPIs - Equipamentos de Proteção Individual, para a realização dos procedimentos com segurança,” esclarece a assessoria.

* A reportagem GP contatou também a Jadapax, que informou que, nesses casos, realiza apenas o velório do corpo que já vem pronto do hospital.

* Contatada, por sua vez, veja o que disse a Assessoria de Comunicação do HNSC - Hospital Nossa Senhora da Conceição.

“O HNSC informa que não é responsável por sepultamentos. Portanto, não cabe à instituição falar do referido assunto,” desvia a assessoria.

* Sem outra opção, a reportagem GP pesquisou e descobriu que, por determinação da Anvisa - Agência Nacional de Vigilância Sanitária, os corpos mortos por covid-19 devem, sim, ser envolvidos (seja lá por quem for) em um manto protetor, confeccionado em material impermeável, antes de serem colocados dentro das urnas funerárias. 

INTERNADOS COM COVID SERÃO VACINADOS?

“Pessoal da GAZETA, gostaria que me tirassem uma dúvida. Começou a vacinação, apesar de muito lentamente, onde primeiramente estão sendo vacinados os profissionais da saúde e os idosos. Queria saber se as pessoas que estão internadas com coronavírus também terão prioridade para receber a vacina? Ou, se nesse caso, já não adianta mais elas serem vacinadas? Como que funciona isso?”

NOTA DA REDAÇÃO - Contatada, veja o que disse a Assessoria de Comunicação da Prefeitura.

“A prefeitura, por meio da secretaria de saúde, informa que, seguindo orientações do Ministério da Saúde, pacientes internados que pertencerem aos grupos prioritários devem aguardar 4 semanas, após a alta hospitalar ou o teste Positivo, para receber a vacina,” explica a assessoria.


Entre outras queixas dos leitores GP leia: Socorro!!! Cidade não tem soro antiescorpiônico?


Mais da Gazeta