Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1917
Pará de Minas 13/05/2022


exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

“FIQUEI LIGADA A UM MONTE DE APARELHOS, MAS NÃO TINHA MAIS O CÂNCER NO MEU CORPO”

exclusivo

O mais tradicional evento cultural da cidade debateu sobre a VIDA PÓS-PANDEMIA

exclusivo

HISTÓRIA DE VIDA

LEVINO DA COSTA DE JESUS, 115
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“Por ser sério, o GP Jornal é muito respeitado na cidade!”
JOSÉ IRINEU SILVA, empresário.

Notícias Variadas

AGÊNCIA DE OPORTUNIDADES ASCIPAM BUSCA CANDIDATOS 


De um lado, empresários querendo contratar mão de obra. Do outro, trabalhadores buscando oportunidade de emprego. Mas no meio do caminho, muitas vezes acontece um desencontro, mesmo que as partes estejam muito interessadas no assunto. Foi essa realidade que levou a Ascipam a criar e fomentar a Agência de Oportunidades de Pará de Minas, que se constitui na busca de profissionais adequados ao perfil dos associados. À frente do desafio de atender a demanda das duas partes a especialista em gestão de pessoas, Karine Chiericato, que presta assessoria para a entidade, está fortalecendo a divulgação da Agência de Oportunidades para que os trabalhadores inscrevam logo seus currículos. Para indicar os profissionais às empresas da cidade é preciso que a Ascipam disponha do banco de informações e esse procedimento pode ser feito em poucos minutos, bastando que o interessado abra o site da entidade (ascipam.com.br) e faça o cadastramento, que é totalmente gratuito. Karine chama atenção para a necessidade de preenchimento de todos os dados. Ao destacar o peso da Agência de Oportunidades da Ascipam, ela lembra que são mais de 1.200 empresas associadas e, nesse contexto, fica muito mais fácil o candidato entrar ou retornar ao mercado, qualquer que seja o segmento: comércio, indústria, agronegócio e prestação de serviços. Para atender bem os associados, a Ascipam já analisa os currículos, entrevista os candidatos e faz a indicação. Karine Chiericato não esconde os desafios, surgidos muitas vezes pela falta de qualificação profissional. Mas até nesse aspecto a Agência de Oportunidades tem papel importante, que é o de orientar o candidato a se qualificar para que possa encontrar um emprego e crescer na profissão. A prestação de serviços também se volta para a outra ponta, já que em tempos de tanta revolução industrial e comportamental, o empresariado também precisa se aprimorar compreendendo o novo perfil do trabalhador. É preciso vê-lo realmente como colaborador, pois somente assim será possível construir um relacionamento fiel e encaixado ao perfil da empresa, gerando o engajamento desejado.


Mais da Gazeta