Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 37 - Nº 1900
Pará de Minas 13/01/2022


exclusivo

EDUCAÇÃO EM PAUTA

exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

PATAFUFO BRILHA NA LISTA UNDER 30, DA REVISTA AMERICANA FORBES

exclusivo

VAI PARA MARAVILHAS O PRÊMIO DE R$ 50 MIL DA PROMOÇÃO COMPRA DA SORTE

exclusivo

“ETIQUETA DA GRIPE” É FUNDAMENTAL PARA EVITAR NOVOS CONTÁGIOS

exclusivo

QUEM FOI

JOÃO THEODORO ESTEVES?
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“Em meio a sinos e teares, o GP Jornal segue informando, há 38 anos, com exatidão e valorizando a cultura pará-minense!”
MARCOS FRANCISCO MARQUES, professor e diretor escolar

Gozacao Pura

GOZAÇÃO PURA: BONITINHO NA TEORIA, MAS ORDINÁRIO NA PRÁTICA

Falei aqui, no GP 1864, veiculado no último 30 de abril, que mais maldoso fofoqueiro desta terrinha tem usado as redes sociais para dar lições de moral, a torto e à direita. Uma delas é pra todo mundo se cuidar, pra ninguém pegar, muito menos espalhar o coronavírus. Porém, eu o denunciei, na edição acima citada, quando vizinhos dele contaram que ele, na calada da noite, tem realizado festinhas e mais festinhas, no barraco da mãe dele, cheinhas de gente, todos sem máscaras e com o som altíssimo, até altas horas da madruga. Sei, tá... Bonitinho na teoria, mas ordinário na prática, ? Como se não bastasse, agora ele se achou no direito de atacar uma médica conceituadíssima na cidade, sob o pretexto dela estar  aglomerando. Ah, por cima de moá? Euzinha não nasci hoje e sei que o real motivo é bom outro: pura inveja e despeito, por ela ser chique, colunável GP, usar belas bolsas e roupas e ter passado o feriado de Corpus Christi, em Campos do Jordão/SP, com amigas. Exatamente, como ele amaria poder fazer... Mais uma vez, ele errou feio, ao mexer com uma profissional séria e respeitada. Só que, desta vez, como ela não baixa tanto o nível, o caso vai parar na justiça, com advogado também conceituadíssimo, que não costuma perder causas. E mais: em casos de danos morais tão graves como esse, leva os seus condenados para o xilindró. E durma com uma booomba dessas!!! 

A PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR - Será que, desta vez, indo residir na Pio Canedo, essa criança, finalmente, vai aprender?

ATÉ BREVE! E DE LEVE...

Você não sabe quem sou eu, mas euzinha sabe tudo sobre você!

(*) Colaborador que só escreve fake news (notícias falsas).



Mais da Gazeta