Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1931
Pará de Minas 18/08/2022


exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

AFINAL, ONDE ESTÁ A VERDADE SOBRE O “FECHAMENTO” DA COOPARÁ?

exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

HISTÓRIA DE VIDA

WANDERCY CORREA STEIN, 85
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“A GAZETA sempre mantém a população pará-minense atualizada, com informações precisas!”
CARLOS ALBERTO DE MOURA MORATO, empresário.

Giro Policial

VENDE MOTO E, SÓ DEPOIS, PERCEBE QUE CAIU EM GOLPE


A PM foi procurada por um jovem, 19, que contou que foi vítima de um estelionato envolvendo a venda de sua moto. Segundo ele, negociou a moto com um homem, do qual citou apenas o primeiro nome, o qual lhe enviou cópia digital de um comprovante de pagamento de sete mil e quatrocentos reais pela compra do veículo e pediu para que a vítima lhe passasse o recibo da moto para um terceiro indivíduo, o que foi feito. A vítima entregou a moto com o recibo em nome da pessoa indicada pelo homem com quem negociou e posteriormente constatou que a transferência da quantia descrita não foi efetiva, percebendo que havia caído em um golpe. Durante consulta da placa da moto, os militares constataram que ela havia sido apreendida em Arcos/MG, devido infrações de trânsito. Na ocasião, foi abordado um condutor inabilitado, 23, que é a mesma pessoa, em nome da qual a vítima havia assinado o recibo do veículo.


Mais da Gazeta