Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1918
Pará de Minas 20/05/2022


exclusivo

GANHO PESSOAL

exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

CANTORA LOCAL VAI DIRETO PARA A FINAL DO CANTA COMIGO

exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

QUEM FOI

NELSON ALVES MARZAGÃO?
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“Todo esforço merece reconhecimento e o GP Jornal sabe valorizar cada um de nós, como ninguém!”
VITOR DOS SANTOS SILVA, estudante de educação física.

Giro Policial

4 PRESOS E 96 PEDRAS DE CRACK, NO PADRE LIBÉRIO

A PM apreendeu na rua Mário Oliveira Leite, Padre Libério, noventa e seis pedras de crack, quatro celulares, uma máquina de cartão e uma quantia em dinheiro. Foram presos quatro infratores, 23, 25, 26 e 31, e apreendida uma adolescente, 17. Os militares foram até o local verificar denúncias de que o morador, 26, o qual teria vindo de Corinto/MG, para morar em Pará de Minas, estava traficando drogas, auxiliado por comparsas. No local, os policiais viram um homem, 31, morador de São José da Varginha/MG, e já conhecido nos meios policiais como usuário de drogas, fazer contato na residência do denunciado, de forma suspeita. Ele foi abordado logo após sair da casa, quando se preparava para entrar em seu carro. Com o infrator foram encontradas três pedras de crack, as quais ele alegou ter adquirido no bairro São Paulo. O denunciado, 26, foi abordado na frente de sua casa, sendo encontradas em sua bermuda dezoito pedras de crack e uma quantia em dinheiro. Durante buscas em um cômodo da casa dele, onde estavam os autores, 23 e 25, e a adolescente, 17, foram encontradas mais setenta e cinco pedras de crack e os demais objetos. O homem, 26, admitiu a propriedade das drogas e que vendia a R$ 10,00 a unidade. Os quatro autores foram presos e a adolescente apreendida, sendo conduzidos à delegacia.


Mais da Gazeta