Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1918
Pará de Minas 20/05/2022


exclusivo

GANHO PESSOAL

exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

CANTORA LOCAL VAI DIRETO PARA A FINAL DO CANTA COMIGO

exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

QUEM FOI

NELSON ALVES MARZAGÃO?
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“Todo esforço merece reconhecimento e o GP Jornal sabe valorizar cada um de nós, como ninguém!”
VITOR DOS SANTOS SILVA, estudante de educação física.

Notícias

GRITO POPULAR

“OS VEREADORES TÊM DE COLOCAR UMA REGRA NISSO” (2)

Na edição anterior a esta foi veiculada uma queixa sobre as wind banner, colocadas, a torto e à direita, nas calçadas da rua Benedito Valadares e avenida Professor Mello Cançado, quando foi informado que a Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal afirmou que o assunto era de competência da prefeitura, que agora enviou a resposta, por meio de sua assessoria de comunicação. Confira.

“A prefeitura, por meio da secretaria de desenvolvimento urbano, informa que a Lei Orgânica Municipal dispõe sobre a utilização de espaços públicos por particulares. Segue o artigo da lei, com os respectivos parágrafos, relacionados à questão: * Art. 116 - Os bens públicos poderão, conforme sua natureza, ser utilizados pelo próprio poder público ou por particulares, observadas as regras legais pertinentes (emendas nº 14/2005 e nº 19/2007) * § 3° - A concessão, a permissão e a autorização de uso de bem público por particular ou por entidade pública, que não componham a administração do município, dar-se-ão nos termos prescritos em lei, condicionadas a que haja interesse público ou social, devidamente comprovado. * § 4° - A permissão de uso de bem público por particular ou por entidade pública será feita por um PRAZO MÁXIMO DE 30 DIAS, podendo ser prorrogada, uma única vez, por igual período.

Agora, sobre a utilização dos wind banners no local citado, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano informa que enviará fiscais para solicitar aos proprietários a retirada deles. Caso não sejam retirados, eles serão recolhidos, posteriormente, pelos fiscais da prefeitura,” promete a assessoria.

ABAIXO COLUNA QUE USA TERMOS DE BAIXO CALÃO!

“Gostaria de dar um feedback, com uma crítica construtiva ao editor GP, sobre a coluna Gozação Pura. Acho que desta vez o revisor comeu mosca em um trecho do texto, quando a apimentada colunista, que se esconde por detrás de um pseudônimo, escreveu exatamente isso: Deu corda só pra depois, foder... Pelo amor de Deus, gente! A GAZETA tem um público sênior que, como eu, não está acostumado com esses termos de tão baixo calão. Gosto dessa coluna, que fala todas as verdades, sem papas na língua, doa a quem doer, mas a colunista poderia ter usado o verbo ferrar, por exemplo, no lugar do, foder... Não deixem o nosso jornal abaixar o alto nível que ele sempre teve!”

NOTA DA REDAÇÃO - Comunicada, a diretoria GP agradece a crítica, afirmando que já alertou a polêmica colunista sobre o tipo de linguagem que ela não deve usar, daqui pra frente.


Entre outras queixas dos leitores GP leia: De olho no Olho Vivo da cidade

VEJA NA EDIÇÃO 1882: NAS BANCAS DE 03/09 A 09/09. DEPOIS, SÓ NA GAZETA. Veja também outras queixas da edição anterior abaixo.


Mais da Gazeta