Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1923
Pará de Minas 24/06/2022


exclusivo

UNIVERSO FAPAM

exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

ATÉ AQUI,FATALIDADE ASSIM SÓ ERA VISTA NO FILME PREMONIÇÃO

exclusivo

HISTÓRIA DE VIDA

VERA LÚCIA SENA VALADARES
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“O GP Jornal é informação e entretenimento, com qualidade e confiabilidade!”
VINÍCIUS PEREIRA DOURADO, médico cardiologista

Sindijori

MOC É A 66ª MELHOR PARA EMPREENDER

Sexta maior cidade de Minas Gerais e 60ª maior do Brasil, Montes Claros é agora a 66ª melhor cidade para se empreender no País. É o que revela o Índice de Cidades Empreendedoras (ICE), estudo criado pela Endeavor e, nesta edição, produzido pela Escola Nacional de Administração Pública (Enap). A capital simbólica do Norte de Minas ganhou uma posição em relação à edição de 2020. No ranking estadual, Montes Claros também ganhou uma posição, passando a ocupar o 5º lugar, superando Betim, que era a terceira colocada no Estado e 48ª no País e caiu para sexta posição em Minas e para a 71ª colocação no ranking nacional. (Jornal de Notícias – Montes Claros)

Hospital inaugura novas instalações

Um marco para o Hospital Nossa Senhora Auxiliadora (HNSA). No último final de sema foram inauguradas as novas instalações, unificando os dois prédios. O prédio da antiga maternidade foi reformado, para abrigar ainda o pronto socorro, que será transferido para o local e o terceiro andar já equipado para receber os pacientes de toda a microrregião. A cerimônia de inauguração contou com a participação de autoridades e profissionais de saúde. O provedor padre Moacir Ramos Nogueira classificou como um momento histórico nos 105 anos de história do hospital, que até então funcionava em dois prédios. (Diário de Caratinga – Caratinga)


Mais da Gazeta