Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1923
Pará de Minas 24/06/2022


exclusivo

UNIVERSO FAPAM

exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

ATÉ AQUI,FATALIDADE ASSIM SÓ ERA VISTA NO FILME PREMONIÇÃO

exclusivo

HISTÓRIA DE VIDA

VERA LÚCIA SENA VALADARES
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“O GP Jornal é informação e entretenimento, com qualidade e confiabilidade!”
VINÍCIUS PEREIRA DOURADO, médico cardiologista

Notícias Variadas

Como a morte de Jesus pode significar vida para você?

Após 20 dias entubada devido a complicações da covid-19, Larissa Dias teve alta; mas descobriu que seu marido havia falecido, vítima da mesma doença. Eram casados há apenas 2 anos e 8 meses. Ela conta: “A esperança da ressurreição, tão clara na Bíblia, me ajudou a continuar vivendo e a ter forças para enfrentar a recuperação emocional e pós-coronavírus.” Larissa encontrou consolo ao pensar no que a morte de Cristo pode fazer por ela — trazer de volta à vida seu marido, a quem tanto amava!

Na noite de sexta-feira, 15 de abril de 2022, Larissa e outras Testemunhas de Jeová, unidas a milhares de convidados em todo o mundo, participarão do evento mais importante do ano: a Celebração da Morte de Cristo. Elas fazem isso todos os anos, assim como Jesus ordenou em Lucas 22:19: “Persistam em fazer isso em memória de mim.” Esta reunião especial destaca o valor do sacrifício de Jesus e como isso significa vida para toda a humanidade.

No Brasil, pessoas de mais de 30 etnias poderão assistir a essa reunião no seu próprio idioma, como por exemplo o wapishana — falado por cerca de 10 mil indígenas no estado de Roraima.

As famílias de Testemunhas de Jeová costumam se preparar para essa noite especial. Durante a pandemia, o casal Matheus e Léia usou a criatividade para seus filhos imaginarem a cerimônia de forma mais realista. Eles montaram em casa um cenário com mesa de palete e lamparina de barro, imitando alguns objetos utilizados na época de Jesus. “As crianças raciocinaram melhor quando criamos esse cenário. Aproveitamos para conversar sobre como os cristãos viviam naquela época. É impressionante como algo simples causa um efeito tão positivo no coração dos filhos”, relatou Matheus.

Mais de 21 milhões de pessoas assistiram a esse evento em 2021, pela internet. Agora, após dois anos de isolamento social, as Testemunhas de Jeová vão se reunir presencialmente, nos Salões do Reino e em outros locais. Os preparativos para essa ocasião já começaram e muitos estão ansiosos para estar ao lado de amigos e convidados. Como opção, também será possível assistir à reunião pela internet.

O porta-voz nacional das Testemunhas de Jeová, Kleber Barreto, destaca: “Para obedecer à ordem de Jesus, não deixamos de nos reunir em 2020 e 2021 — mesmo que tenha sido por videoconferência! Damos valor à vida e realizamos a Celebração cada um em sua casa, respeitando o isolamento social. Mas agora, em 2022, será uma alegria relembrar presencialmente o sacrifício de Cristo. Todos os amigos, familiares e convidados são bem-vindos!”

Para assistir a esse evento, fale com uma Testemunha de Jeová que você conhece ou acesse o site jw.org e encontre um local de reunião próximo a você. Clique em Quem somos > Reuniões.

O quê: Celebração da Morte de Cristo

Onde: Milhares de locais espalhados pelo mundo (veja no site jw.org o mais próximo de você)

Quando: 15 de abril, sexta-feira

Entrada: Gratuita

Porta-voz local das Testemunhas de Jeová: Taylor Vasconcelos Campolina


Mais da Gazeta