Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1919
Pará de Minas 27/05/2022


exclusivo

UNIVERSO FAPAM

exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

INFLUENCIADOR DIGITAL VAI MUITO ALÉM DO SEU BORDÃO SEXTOOOU BB

exclusivo

GANHO PESSOAL

exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

HISTÓRIA DE VIDA

MARIA DE JESUS CORNÉLIO, 85

exclusivo

enquete gp

TATUAGENS: A FAVOR OU CONTRA?
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“A GAZETA é tradicional em informar sempre com qualidade.”
LÍVIA VIEIRA GUIMARÃES ALMEIDA, bancária.

Notícias

GRITO POPULAR

COMPRE A GAZETA NAS BANCAS: * PADARIAS: BARIRI, CAFÉ COM LEITE (São Luiz) e FRANÇA (rua Direita); * BANCAS: MARIA JOSÉ (em frente à EE Governador Valadares) e FRANCISCO (ao lado do Santander); * STOP SHOP, etc..

Veja também outras queixas da edição anterior abaixo.

BURACAIADA SEM FIM. CULPA DE QUEM?

 “A situação do trecho urbano da BR-352, aquela rodovia que passa ao lado do bairro Santos Dumont, está, simplesmente, sem menor condição de tráfego. São inúmeros buracos, tantos que, em alguns lugares, os motoristas têm que diminuir a velocidade de seus veículos para 20KM/H, o que pode, inclusive, causar acidentes. Eu mesmo quase bati na traseira de um carro que reduziu, de repente, ao se deparar com um buraco à sua frente. Por ser uma rodovia federal, acredito que a responsabilidade pela sua manutenção não seja da prefeitura, mas do DER/MG - Departamento de Estradas e Rodagens. Tem como vocês checarem, para ver o que eles têm a dizer sobre isso?

NOTA DA REDAÇÃO - Contatada a Assessoria de Comunicação Social do DER/MG, na capital do estado, não enviou resposta até o fechamento desta edição. Entretanto, caso ainda queira, é só manter contato.

NOTA DA REDAÇÃO (2) - A reportagem GP conversou também com o prefeito, Elias Diniz, sobre a operação Tapa-Buracos que a prefeitura está promovendo e também sobre uma, possível, municipalização desse trecho da rodovia. Confira a entrevista no site GP: www.gazetaparaminense.com.br.

ERAM SÓ OITENTA INGRESSOS MESMO OU TINHA MAIS?

“Vi na GAZETA que os ingressos para o evento Nos Embalos de Sábado à Noite, que aconteceu no último dia 30, estariam disponíveis para ser retirados no Centro Literário Pedro Nestor, a partir do dia 27 e que deveríamos ir, o mais cedo possível, para garantir o acesso, uma vez que eles eram limitados. Cheguei lá no dia 27, quarta-feira, às 7H, e já havia uma fila. Peguei o meu lugar, aguardando a minha vez. Aí, eles começaram a distribuir um pouco antes de 8H, mas, quando chegou a minha vez, me informaram que os oitenta ingressos já haviam se esgotado. Achei estranho, pois naquela fila não havia oitenta pessoas na minha frente. Será que eles estão reservando alguns ingressos antes, para pessoas tidas como especiais? Gostaria que a GAZETA verificasse isso pra gente (...)”

NOTA DA REDAÇÃO - Contatada a Assessoria de Comunicação da Prefeitura, veja o que foi dito.

“A gerência do Centro Literário Pedro Nestor esclarece que a grande procura por ingressos para a 2ª edição do evento Nos Embalos de Sábado à Noite surpreendeu os organizadores. Os ingressos (cento e setenta) se esgotaram, rapidamente, logo após o início da distribuição, mesmo a secretaria de cultura e comunicação institucional tendo limitado a distribuição em, no máximo, um par de ingressos para cada interessado. Com o objetivo de possibilitar a mais pessoas o acesso à experiência de reviver a emoção dos sucessos dos Anos 70, 80 e 90 na pista de dança do centro literário, a secretaria de cultura e comunicação institucional distribuiu mais cinquenta ingressos para pessoas que manifestaram interesse em deixar seus nomes na lista de espera (o que não foi feito pelo(a) leitor(a) reclamante). Cabe ressaltar que a disponibilização desse novo lote foi feita dentro do limite de público do espaço, de forma a garantir a segurança e o conforto de todos.”


Entre outras queixas dos leitores GP leia: CAIXA DE SEMÁFORO GERA ACIDENTE NA ESQUINA


Mais da Gazeta