Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1930
Pará de Minas 12/08/2022


exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

MAIS UMA VEZ, SEÇÃO GRITO POPULAR MOSTRA SUA FORÇA

exclusivo

UNIVERSO FAPAM

exclusivo

GERANDO PERGUNTAS

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

HISTÓRIA DE VIDA

OLINDA MARIA STAIN, 81
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“Credibilidade e imparcialidade em jornalismo é com a GAZETA!”
GABRIEL JOSÉ BARBOSA PALOTTI, administrador e Garra Profissional 2021 no agronegócio

Notícias

POIS É... QUEM FALA DEMAIS DÁ BOM DIA A CAVALO


Como já disse, não quero falar aqui de pessoas sem nenhuma criatividade e que ficam tentando clonar tudinho, inclusive o meu pseudônimo - euzinha - só que usando a forma masculina: euzinho. Ai, que nojo! Gente, é ou não é muita falta de imaginação? Que isso? Pelo amor de Deus!!! Eu, no lugar dele, assumiria não um apelido, mas o próprio sobrenome, que é lindo kkk e parava de ficar me xerocando. Vê se me salta, criatura!!! Mas isso é só um traque, perto da BOMBA que eu vou soltar agora sobre essa figura. Dias atrás, ele postou um suposto e escandaloso caso amoroso entre um cabo da PM - Polícia Militar local, por sinal casado e pai de uma criança de 10 meses, com um veterinário. Olha só com quem ele foi fazer mais fofocas inverídicas, dessa vez... Muita gente leu, claro, mas acreditar que é bom, nem tanto, porque a credibilidade ali passou a quilômetros de distância. Dias depois, ele anunciou que ouviu o PM, a esposa dele e o suposto amante, fazendo novo sensacionalismo, dizendo que iria mostrar tudo, no cair da noite. Quando chegou a hora H, enfiou o rabo entre as pernas, pedindo desculpas e dizendo que era tudo mentira. Nóóó!!! Pegou muito mal... Que vexame! BUUUMMM!!! Naquela mesma noite, lá no barzinho do shopping, eu ouvi cada coisa sobre isso... Vou ver se consigo me lembrar de algumas: * Ah, ele inventou essa estória, para ver se o povo esquece um pouco ou passe a achar normal tudo que ele já viveu - tudo filmado e espalhado por todos os cantos desta terrinha... * De tanto infernizar a vida de tanta gente, eu não vou me assustar se, um dia, esse sujeito desaparecer do mapa patafufo... * É, dessa vez ele foi longe demais e já está passando da hora dele enfiar a viola na sacola e tirar o time de campo, antes que seja tarde demais... 

A PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR - Você também ficou sabendo desse vexame todo?

ATÉ BREVE! E DE LEVE...

Você não sabe quem sou eu, mas euzinha sei tudo sobre você!

(*) Colaborador que só escreve fake news (notícias falsas).


Mais da Gazeta