Selo GP - Rodrigo Roreli Laço
Fundação:
Francisco Gabriel Bié Barbosa
Alcance, credibilidade e
imparcialidade,
desde 84
ANO 38 - Nº 1931
Pará de Minas 18/08/2022


exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

GENTE PEQUENA

exclusivo

GALERA PARTICIPANTE

exclusivo

GOTA POÉTICA

exclusivo

GRANDE PATRIMÔNIO

exclusivo

GALERA PLANTONISTA

exclusivo

GRITO POPULAR

exclusivo

GENTE PENSANTE

exclusivo

AFINAL, ONDE ESTÁ A VERDADE SOBRE O “FECHAMENTO” DA COOPARÁ?

exclusivo

GIRANDO POR AÍ

exclusivo

GOL DE PLACA

exclusivo

GOSTOSURAS PRÁTICAS

exclusivo

SOCIEDADE GP

exclusivo

HISTÓRIA DE VIDA

WANDERCY CORREA STEIN, 85
Adoro o GP Jornal

TÁ NA GAZETA? TÁ NA HISTÓRIA!

“A GAZETA sempre mantém a população pará-minense atualizada, com informações precisas!”
CARLOS ALBERTO DE MOURA MORATO, empresário.

EMPRESÁRIO JOVEM, BONITO E RICO LEVA MULTA SALGADA POR AGREDIR A BELA EXEMPRESÁRIO JOVEM, BONITO E RICO LEVA MULTA SALGADA POR AGREDIR A BELA EX

       SOFÊIC NILS (*)
EMPRESÁRIO JOVEM, BONITO E RICO LEVA MULTA SALGADA POR AGREDIR A BELA EX

SOFÊIC NILS (*), colaborador que só escreve fake news (notícias falsas). Seu lema: “VOCÊ NÃO SABE QUEM SOU EU, MAS EUZINHA SEI TUDO SOBRE VOCÊ”!



Euzinha tenho minhas fontes e claro que não deixo de trazer pra vocês as BOMBAS mais quentes dessa terrinha que podem passar despercebidas por todo mundo, mas não aqui. Segura, então, a última: um rapaz bonito, empresário rico, tempos atrás, envolveu-se com uma bela moça, por alguns tempos, quando ela vivia no luxo, desfilando pelas ruas da terrinha em carrões milionários e frequentando festas da sociedade, com celulares de última geração, calçados e roupas de grife. Porém, durante um tumultuado relacionamento, essa garota foi agredida por ele, diversas vezes, sem falar que fotos íntimas dos dois que foram postadas na internet e deu o que falar na terrinha. Reboliço total! Mas ela que, de boba não tem nada, muito pelo contrário, processou o bonito e o tempo passou. Mas o dia da audiência chegou e, claro, que euzinha dei umas circuladas pelos corredores forenses e agora vou contar tudinho pra vocês. O bonito agressor, alegando estar de covid, não compareceu à audiência, mas a bela foi, toda mal arrumada, sugerindo que não tinha boa condição financeira e, assim, convencer o juíz. Aí, ela deitou e rolou, apresentando provas e até vídeos das agressões sofridas e pedindo, nada mais, nada menos, que cem mil reais de indenização. Entretanto, o advogado do belo foi e salvou a pele do gato, que não deixou de ser escaldado: cinquenta mil reais, ainda que divididos em dez prestações de cinco. Mesmo ganhando uma fortuna por mês em sua loja, ele deve ter ficado fulo da vida. BUUUMMM!!! Achou que acabou? Negativo! Dizem que o juiz que sentenciou o agressor deu a ele 3 dias, para ele se apresentar, caso contrário seria preso. Claro que ele se apresentou e também apresentou provas. Entretanto, o que vem depois disso, euzinha não sei, mas, se souber, voltarei para contar tudinho para vocês, meus fofoqueiros leitores de uma figa! Kkk...

A PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR - E você, sabe de quem estou falando, anjo?

ATÉ BREVE! E DE LEVE...

Você não sabe quem sou eu, mas euzinha sei tudo sobre você!

(*) Colaborador que só escreve fake news (notícias falsas).


Mais da Gazeta